...

(...) Hoje, mais do que nunca, um leitor forma-se desde o berço. Qualquer criança tem condições mais favoráveis para reconhecer a importância da leitura e adquirir o gosto de ler, se vive num ambiente onde o recurso ao livro entrou, com naturalidade, no conjunto dos hábitos quotidianos. A escola não pode, por isso, alhear-se do papel fundamental que lhe cabe neste domínio, nem procurar álibis cómodos nessa espécie de sedutora utopia pedagógica (...)

José António Gomes
in Da Nascente à Voz - contributos para uma pedagogia da leitura, Caminho, Lisboa, 1996.

0 comentários: